Como Cultivar Orquídeas Dicas Simples para Cuidar das Suas Orquídeas.

Tempo de leitura: 3 min

em 31 de outubro de 2020

Opa tudo bem ? Nesse artigo você irá ver dicas de como cultivar orquídeas com dicas bem simples para você aplicar, com certeza você que deseja ter flores mais bonitas e principalmente, salva-las de pragas e doenças, irá amar esse artigo, então fica até o final que você terá dicas excelentes para cuidar das suas orquídeas.

Você sabia? O nome orquídea deriva do grego “orchis” que significa testículo, referindo-se à forma dos tubérculos subterrâneos de algumas orquídeas terrestres de regiões temperadas. Dados científicos obtidos do pólen de uma orquídea extinta encontrada no âmbar mostram que essa espécie existe há cerca de 86 milhões de anos.

Leia também : Manual Completo para Cuidar de Suas Orquídeas Como um Profissional ( FÁCIL )

Planta tropical por excelência, hoje também está difundida em nossos apartamentos. Se você está se perguntando como cultivar orquídeas, saiba que cuidar delas não é difícil, principalmente no que diz respeito à “Phalaenopsis”, a orquídea mais difundida do mercado.

Ao comprar uma orquídea, escolha uma que ainda não tenha todas as flores desabrochadas e que esteja cheia de botões ainda por abrir.

As folhas devem ser duras e as raízes de um verde bonito. Importante: nunca pegue uma orquídea que tenha um caule no centro da planta, pois isso impedirá que ela cresça e você vai perdendo-a aos poucos.

Como cultivar orquídeas: onde colocá-las ?

As orquídeas precisam de muita luz. No verão, eles devem ser colocados em um local claro, mas longe dos raios solares, que podem queimar suas folhas. Se você colocar a orquídea atrás de um vidro, certifique-se de que ela seja protegida por uma cortina.

No verão, a orquídea Phalaenopsis também pode ser colocada no terraço, em local protegido das correntes de ar e do sol direto. No inverno, porém, o peitoril da janela é o lugar ideal, pois o sol é menos intenso.

Como todas as plantas tropicais, as orquídeas precisam de umidade e geralmente a cozinha e o banheiro são os cômodos que mais têm, portanto, se forem bem iluminados, podem ser o lugar ideal para colocar uma orquídea.

 A temperatura é muito importante: deve estar entre 18 ° e 22 °. Em casa o ar é seco, então as folhas devem ser borrifadas uma ou duas vezes ao dia; a rega deve ser regular, mas não muito abundante: na primavera e no verão uma vez por semana, durante o inverno uma ou duas vezes por mês.

Para regá-la, mergulhe a panela em uma bacia por alguns minutos (de preferência água da chuva).

Orquídeas: como fazê-las florescer novamente

As orquídeas são lindas plantas de interior desde que tenham flores; os problemas começam quando começam a murchar uma a uma. Então o que fazer?

Antes de mais nada é necessário retirar todas as flores que já murcharam e deixar a planta repousar alguns dias.

As orquídeas podem florescer novamente, mas alguns truques são necessários, como cortar o caule onde as flores murcharam acima do segundo olho.

Se já era uma segunda flor, o caule deve ser cortado bem mais curto. Esta operação deve ser repetida todas as vezes após o desbotamento das flores.

Durante a primavera e o verão, fertilize-os com fertilizantes especiais para orquídeas, facilmente disponíveis no mercado; sprays líquidos são os melhores: basta borrifar um pouco nas raízes duas ou três vezes por mês.

Se você seguir essas dicas com atenção, suas orquídeas florescerão a cada dois ou três meses e o farão novamente por pelo menos 3 ou até 5 anos.

Orquídeas: doenças e tratamentos

Se as folhas da orquídea começarem a amolecer e / ou amarelar, a planta está desidratada. Pode ser devido a irrigação insuficiente, caso em que bastará aumentá-la. No entanto, também pode derivar do caso contrário, ou seja, de rega abundante, que provoca o apodrecimento das raízes, criando problemas para toda a planta.

Às vezes, as folhas sofrem mesmo que a rega seja correta: a causa pode ser um solo inadequado porque absorve muita água, estragando raízes e folhagens. Deve ser substituído por um solo de “orquídea especial”. Outra doença comum em orquídeas é a infestação da cochonilha.

Esses parasitas se infiltram nas axilas ou folhas das folhas e matam a planta. Elimine-os aplicando um cotonete embebido em álcool etílico desnaturado diretamente sobre as cochonilhas, assim você salvará a orquídea e também as plantas vizinhas.

Gostou do Artigo ? Espero que sim, compartilhe esse artigo e favorita o blog.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


1 Comentário